Fórum de medicina tradicional chinesa está de volta, para melhorar a saúde da população de Macau

1. medicina tradicional.jpg
FOTOGRAFIA EDUARDO MARTINS

Realiza-se entre os próximos dias 28 e 29 de Outubro o programa de Macau do fórum de “medicina tradicional chinesa na China”, uma “mega actividade de promoção da saúde e da cultura da medicina tradicional chinesa”, descreve a organização. Dez anos depois, este fórum volta a passar por Macau.

TEXTO: André Vinagre

Os grandes mestres da medicina tradicional chinesa vão passar por Macau nos dias 28 e 29 de Outubro, próximo domingo e segunda-feira, a propósito do programa de Macau do fórum de “medicina tradicional chinesa na China”. Segundo a organização, esta é uma “mega actividade de promoção da saúde e cultura da medicina tradicional”. O evento, que tem como mote “a medicina tradicional chinesa cuida da sua saúde e da de todos nós”, vai trazer grandes mestres a Macau, que vão dar palestras e realizar consultas, havendo ainda espaço para uma exposição sobre a história da medicina.

A conferência da imprensa de apresentação deste evento contou com a presença do subdirector dos Serviços de Saúde, Cheang Peng Ip, que começou por recordar que a última vez que este evento passou por Macau foi em 2008, dizendo-se “muito contente” com o facto do fórum estar de regresso dez anos depois.

O objectivo principal do fórum é “introduzir um estilo de vida saudável” em Macau. Por outro lado, o evento visa também a passagem de testemunho dos mestres mais velhos para os mais novos. “O que queremos é promover a saúde da população de Macau e que os mestres mais jovens possam aprender com os mais velhos”, disse na conferência de imprensa Choi Peng Cheong, chefe do Departamento dos Assuntos Farmacêuticos, acrescentando que foram convidados “grandes mestres” para darem consultas em Macau aquando deste fórum. Além das consultas, a organização diz também que serão realizadas palestras com alguns dos mestres e médicos de medicina tradicional chinesa e que vai ainda haver uma exposição sobre a história.

Ma Ninghui, vice-directora do Gabinete para os Assuntos de Hong Kong, Macau e Taiwan da administração estatal de medicina tradicional chinesa, também referiu que “o objectivo da campanha é introduzir um estilo de vida mais saudável” em Macau. “Teremos a presença de quatro mestres de nível nacional e cinco da região de Guangdong”, disse a responsável, explicando que estes nove mestres têm idade avançada e que têm o reconhecimento da sociedade através das suas consultas e da publicação de vários livros.

Leong Pui San, responsável pela Unidade Técnica de Licenciamento das Actividades e Profissões Privadas (UTLAP), referiu que, de acordo com os dados de 2017, em Macau existem 524 mestres ou médicos de medicina tradicional chinesa. “O número de médicos tem aumentado todos os anos, já o número de mestres tem vindo a diminuir por causa da reforma dos mestres mais velhos”, referiu.

 

 

 

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s