Au Kam San usou Ho Chio Meng para criticar comissão e deputados zangaram-se

Foi um dos momentos mais tensos na Assembleia Legislativa desde as eleições de 2013, e o presidente Ho Iat Seng teve mesmo de intervir para serenar os ânimos. Numa altura em que se debatia a Lei de Enquadramento Orçamental, Au Kam San pediu maior transparência nas contas, e responsabilizou a Comissão da AL de Acompanhamento para os Assuntos de Finanças Públicas por não saber fazer perguntas e detectar problemas.
Para sustentar o argumento, o deputado ex-Associação Novo Macau apontou as constantes mudanças no orçamento das obras do metro ligeiro e os gastos públicos para fins particulares do ex-Procurador da RAEM, Ho Chio Meng, que foi condenado a 21 anos de prisão.

O primeiro deputado a reagir foi o presidente da comissão em causa, Mak Soi Kun. O homem ligado a Jiangmen afirmou sentir-se ofendido: “Disse que a nossa comissão não sabe colocar questões, também disse que a assessoria da assembleia não sabe colocar questões. Como deputado pode vir às reuniões. Também é economista, porque é que não vem? É porque não está cá a imprensa?”, contra-atacou. “Como pode dizer estas palavras, está a insultar a inteligência de todos nós?”, questionou Mak.

Ao coro das críticas juntaram-se igualmente Cheang Chi Keong e Tsui Wai Kwan: “Mencionou o caso Ho Chio Meng. Fiquei surpreendido. É uma injúria para toda a máquina administrativa. Será que as suas palavras foram motivadas pela indignação com o caso Ho Chio Meng?”, questionou o primeiro.
“Au Kam San conhece-me de muitos assuntos. Não há qualquer facto em que se baseiem as suas afirmações. Eu sugiro que vá no final desta reunião plenária encontrar-se com André Cheong [líder do CCAC], já que conhece tanto os assuntos de Macau”, frisou Tsui Wai Kwan.
Por fim, Au Kam San disse que não estava a ofender os funcionários públicos, porque os casos mencionados dependiam das chefias. E disse que é necessário que se aprenda com o caso de Ho Chio Meng, para evitar os erros no futuro.
No final, a lei de enquadramento orçamental acabou por ser aprovada, sem qualquer alteração à proposta apresentada.

J.S.F.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s