Macaense Sofia Paiva é a nova Miss International Macau e vai representar a RAEM no Japão

Sofia Paiva foi a vencedora do concurso de beleza Miss International Macau. Estudante de Psicologia, a macaense vai representar a RAEM em Tóquio, no Japão, no próximo dia 14 de Novembro.

B0_05830

Sofia Paiva é macaense, tem 20 anos e é a nova Miss International Macau. A estudante de Psicologia foi escolhida para representar o território na Dome City Hall, em Tóquio, no Japão, onde competirá pelo título de Miss International com cerca de 70 candidatas oriundas um pouco de todo o mundo. A Macau Pageant Alliance, organização sem fins-lucrativos instituída em 2014, levou no ano passado a Las Vegas, nos Estados Unidos da América, a modelo Hio Man Chan, que entrou para o Top-10 na final do concurso de beleza Miss Grand International.

A beleza, a atitude e a disciplina são os principais critérios que a Macau Pageant Alliance estabelece para fazer a selecção das concorrentes: “Sendo um concurso de beleza, a beleza facial é importante. Contudo, penso que a atitude fala mais alto do que isso porque precisamos que a concorrente seja muito disciplinada e muito dedicada”, disse Frederick Ip, responsável pelo concurso de selecção realizado em Macau.

Depois de escolhida para viajar até ao Japão, Sofia Paiva tem agora pela frente entre dois a três meses de formação intensiva que abrange aspectos como a preservação do penteado  e da maquilhagem ou ainda técnicas de passarela. Frederick Ip explicou que a macaense foi seleccionada por representar a “essência de Macau” no estrangeiro, mas também por demonstrar capacidade e vontade de participar na organização de diferentes actividades solidárias desenvolvidas ao longo do ano pela Macau Pageant Alliance.

B0_05908

A Oxfam International, uma confederação de 17 organizações que lutam contra a pobreza e que actuam através de campanhas, programas de desenvolvimento e acções urgentes, é uma das parceiras da Macau Pageant Alliance.

Questionado sobre o impacto que a participação em concursos de beleza pode ter sobre as candidatas, Frederick Ip reconheceu que “as candidatas podem não ser maduras o suficiente para aguentar a pressão”. Porém, o dirigente da Macau Pageant Alliance garante que lhes é dada a formação apropriada: “Através da formação, as participantes saberão muito mais sobre elas próprias e perceberão que é o seu objectivo ao candidatarem-se. Portanto, se receberem a ajuda certa terão mais confiança e, se tiverem confiança, os problemas psicológicos serão minimizados”, afirmou Ip.

“Na verdade, o significado de participar num concurso de beleza não se trata apenas de quão bonita e alta se é, ou se se desfila bem na passerelle. Penso que o verdadeiro significado de um concurso de beleza é a oportunidade preciosa de uma jovem poder viajar para o estrangeiro e conhecer raparigas de todo o mundo”, disse Frederick Ip, responsável pelo processo de selecção da Miss International em Macau.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s