Nem expulsão aos oito minutos salvou Macau da terceira goleada consecutiva

Macau disse ontem adeus ao Campeonato Asiático de Sub-23 com uma derrota por 8-1 frente à congénere de Timor-Leste. Apesar de ter jogado durante vários minutos com mais um atleta, a equipa orientada por Joseph Tam sentiu dificuldades acrescidas para se impor frente à mais acessível das formações que defrontou no Vietname.

timor-leste_v_macau_afcu23q_vff

A selecção de sub-23 do território está fora do Campeonato Asiático da categoria do próximo ano, que vai ser disputado na República Popular da China, depois de ter sofrido três goleadas em outros tantos jogos. Ontem, em, mais um jogo, disputado em Ho Chi Minh, a contar para o Grupo I da fase de qualificação, Macau saiu vergado por uma pesada derrota por 7-1 diante de Timor-Leste.

“Demos o nosso melhor, mas temos de aceitar a derrota. Aprendemos muito com a participação neste grupo. Os meus jogadores ainda continuam com muito para aprender para poderem melhorar o nível”, afirmou Joseph Tam, na hora de se despedir do Vietname. “Timor-Leste é uma equipa muito mais forte do que nós, mereceram ganhar o jogo”, frisou o técnico.

Marcava o cronómetro dois minutos, no Estádio Thong Nhat, quando Henrique Cruz inaugurou o marcador. O médio timorense Nataniel Reis fez um passe em profundidade junto ao meio-campo para o avançado, que – apesar de ter recebido a bola com as costas –  consegue controlar o esférico, isolando-se e fazendo o 1-0.

Seis minutos depois, Henrique Cruz é expulso e o momento poderia ter mudado a história do encontro. Mesmo com mais atletas, a formação orientada por Joseph Tam voltou a sofrer novo golo. Nataniel Reis cobra um livre a 30 metros da baliza de Macau, descaído para o lado esquerdo do ataque timorense e a bola acabou por entrar mesmo no ângulo da baliza do território.

O 3-0 foi apontado aos 31 minutos, quando Kornelis Portela desarma Ng Wa Keng a meio-campo, corre durante cinco metros e remata colocado, sem qualquer hipótese para o guarda-redes Lo Weng Hou.

No segundo tempo, Macau entrou com o propósito de esboçar uma reacção, mas o plano ruiu logo aos 51 minutos. O lateral esquerdo de Timor-Leste, Jorge Reis, faz um passe a rasgar para Danilson Araújo, que isolado perante o guarda-redes, deixa-se desarmar. Contudo Lo Weng Hou não consegue agarrar o esférico e permite que Araújo assista Rufino Gama, que rematou para o quarto golo do desafio.

A selecção do território só aos 64 minutos conseguiu responder na mesma moeda. Macau teve a seu favor um livre indirecto na área de Timor-Leste. Na cobrança, Carlos Choi Dion cruza contra a barreira, mas a bola sobra para Ng Wa Seng, que à segunda encontra Lo Man Hin. O avançado não facilitou e cabeceou para o 4-1.

A expulsão do defesa Chu Wai King, no minuto seguinte, por acumulação de amarelos, acabou com qualquer esperança para a selecção do Lótus e até ao final do jogo só deu Timor-Leste: Nataniel Reis (aos 66 minutos), Kornelis Portela (aos 76) e Tomás Sarmento (aos 86) acabariam por fazer o 7-1 final.

Macau terminou assim o Grupo I de apuramento para o Campeonato Asiático sub-23 de 2018 no último lugar, após as derrotas por 10-0 com a Coreia do Sul, por 8-1 com o Vietname e finalmente por 7-1 com Timor-Leste.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s