China e Tunísia querem impedir que a Líbia se torne “uma nova Síria”

A República Popular da China e a Tunísia apelaram esta quarta-feira a novos esforços nas negociações para a paz na Líbia, visando evitar que a situação naquele país do norte de África se transforme num desastre humanitário ao nível da Síria.

O ministro dos Negócios Estrangeiros chinês, Wang Yi, disse que a Líbia está a atrair terroristas oriundos do Iraque e da Síria e apelou à comunidade internacional para evitar que o país se torne uma “nova fonte de terrorismo internacional”: “Devemos prevenir que a Líbia se torne na próxima Síria”, afirmou Wang.

O seu homólogo tunisino, Khemaies Jhinaoui, cujo país faz fronteira com a Líbia, afirmou que é necessária uma solução política, em vez de militar, com base no acordo para a paz negociado pelas Nações Unidas.

“A Líbia deve concretizar a sua segurança, independência e integridade territorial e evitar a desgraça da ruptura nacional”, disse Jhinaoui.

China e Rússia abstiveram-se durante o voto do Conselho de Segurança da ONU, em 2011, para fechar o espaço aéreo da Líbia, de forma a proteger os civis durante a guerra civil no país. Pequim protestou depois que a NATO adoptou aquela medida apesar da sua abstenção.

Os dois países uniram-se depois para bloquear a intervenção dos Estados Unidos no conflito Sírio.

A queda e morte do ditador líbio Moammar Gadhafi, em 2011, gerou caos e criou um vazio de poder e segurança, que tornou a Líbia um terreno fértil para milícias e militantes, incluindo afiliados das organizações extremistas Estado Islâmico e al-Qaida.

O país também se tornou a porta de saída para milhares de refugiados de África, que tentam atravessar o mediterrâneo rumo a Itália.

Desde 2014, a Líbia tem estado dividida entre governos e parlamentos rivais nas regiões do leste e oeste do país, cada um suportado por diferentes milícias, tribos e facções políticas.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s