Tóquio preparada para terramoto durante os Jogos Olímpicos

O director-executivo do Comité Organizador dos Jogos Olímpicos Tóquio2020, Toshiro Muto, afirmou ontem que a capital japonesa está “totalmente preparada” para resistir a um grande terramoto, caso aconteça uma catástrofe deste tipo durante o evento.

A menos de três anos da realização dos Jogos Olímpicos, Toshiro Muto falou da evolução dos preparativos para o evento e disse que o Japão “tem um largo historial de terramotos de grande magnitude” e de outros desastres naturais, acrescentando que a capital japonesa “é uma das cidades mais bem preparada do mundo” para este tipo de catástrofes.

O responsável pela organização de Tóquio2020 afirmou ainda que uma das razões que levou o Japão a receber o evento foi “mostrar ao mundo que o país se recuperou”, relembrando assim o grande terramoto e tsunami que em 2011 devastou o nordeste do país.

Apesar da organização não ter até agora qualquer plano de resposta para este tipo de desastres, Muto, de 74 anos, declarou que o governo de Tóquio “tomou todas as medidas possíveis para garantir que a cidade é resistente a todos os tipos de desastre”.

Os Jogos Olímpicos de 2020, na capital japonesa, vão custar entre 12.300 e 13.900 milhões de euros, de acordo com o primeiro projecto de orçamento, aprovado em Dezembro de 2016.

 

 

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s