ANIMA continua à espera que Governo se pronuncie sobre galgos do Canídromo

“Estamos a trabalhar atempadamente para não sermos apanhados desprevenidos”, garantiu Albano Martins, presidente da ANIMA, ao PONTO FINAL, em relação ao resgate dos animais depois do encerramento do Canídromo. O Governo continua sem dar uma resposta ao pedido da associação para gerir o espaço durante um ano, período que deverá permitir diligenciar soluções para os animais que se encontram ao serviço da Companhia Yat Yuen.

 

KONICA MINOLTA DIGITAL CAMERA

Joana Figueira

A Sociedade Protectora dos Animais de Macau (ANIMA) continua empenhada no resgate dos galgos que ainda permanecerem no Canídromo depois de terminado o prazo da concessão atribuída pelo Governo à Yat Yuen – Companhia de Corridas de Galgos de Macau. O organismo insiste em chamar a si a tarefa de resgatar os animais, ainda que o Executivo continue sem tomar uma decisão relativa ao futuro dos galgos.

Na sexta-feira passada, a ANIMA, em conjunto com as organizações “GREY2K USA” e a “Pet Levrieri”, de Itália, lançou uma campanha para pedir apoio a associações internacionais. Ontem, Albano Martins, presidente da organização local, disse que, comparando com 2016, até Junho deste ano, já foi registado um número significativo de animais resgatados: “Neste momento, está tudo à espera. Em Macau, as coisas levam muito tempo. Nós já pedimos, por várias vezes, ao Governo para interceder e os nossos colegas italianos fizeram até uma petição. O Governo deve estar a receber montanhas de e-mails e cartas a pedir para que interceda junto do Canídromo para nos fazer chegar os animais. Ainda não recebemos resposta e, portanto, a situação está um bocadinho à espera de decisão”, adiantou Albano Martins, em declaração ao PONTO FINAL.

O responsável disse, no entanto, que a organização que lidera já se encontra a estudar as melhores alternativas para espalhar os animais por várias partes do mundo: “É nosso dever preparar as coisas para não sermos apanhados de surpresa. Nós estamos a trabalhar no sentido de estudar as melhores maneiras de mandar os animais de forma mais barata para a Europa, uma vez que os nossos animais se vão destinar essencialmente, à Europa. Ao mesmo tempo, estamos a tentar preparar tudo porque se nos derem os animais de um dia para o outro, temos que conseguir fazer com que cheguem aos sítios”, explicou Martins.

Em relação ao canil pensado para o Alentejo, o presidente da ANIMA reconhece que as novidades também não são muitas: “A terra já está apalavrada (50 hectares de terra), mas eu não me vou meter numa aventura de comprar sem saber se tenho animais e sem saber se tenho situação financeira para isso. Claro que eu só posso aproximar-me de alguém que possa ajudar a financiar o projecto se souber que essa é a orientação do Governo, mas neste momento nós não sabemos”, refere Albano Martins. “Neste momento, estamos a trabalhar em Macau, pedimos para gerir o Canídromo por um ano e durante esse ano nós podemos equacionar todas as soluções”, explica.

 

ANO DE 2016 FECHOU COM DÍVIDA DE MAIS DE DOIS MILHÕES DE PATACAS

 

“A ANIMA fechou 2016 com uma dívida de dois milhões de patacas, que já foi liquidada este ano”, indicou Albano Martins. Estão contabilizados – nos primeiros seis meses desde ano – cerca de 420 cães e 280 gatos resgatados. De acordo com o dirigente, as despesas averbadas durante o ano passado vão “obrigar a um grande esforço para conseguir realizar a nossa actividade que, este ano, estimamos que seja de oito milhões de patacas de despesa”.

Para 2018, caso a ANIMA venha a ter o direito a acolher os galgos no mês de Julho, “estima-se que o orçamento de despesa seja à volta de 16 milhões de pataca”, explicou Albano Martins.

 

 

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s