Projecto de centro aquático para o lago Nam Van distinguido no “Y Show”  

 

A edição de 2017 da exposição colectiva “Y Show” terminou ontem com a atribuição de dez prémios de excelência. Entre os distinguidos está um projecto de Luís Gabriel Sales Marques, que propõe a integração de um complexo de piscinas no lago Nam Van. Com a iniciativa, o finalista de arquitectura quer aproximar a população daquela área  da cidade e potenciar o seu contacto com a água.

 

Sílvia Gonçalves

silviagoncalves.pontofinal@gmail.com

 

Terminou ontem, com a entrega de distinções aos dez melhores trabalhos, a segunda edição da exposição “Y Show”, organizada pela Chiu Yeng Culture Limited. A mostra colectiva reuniu projectos de alunos da vertente artística de cinco universidades do território mas também de instituições da China continental, de Hong Kong, do Japão, de Taiwan e da Alemanha. Entre os distinguidos figura Luís Gabriel Sales Marques, finalista do curso de arquitectura da Universidade de São José. Recém-licenciado, o arquitecto apresentou o projecto de um centro aquático inserido no lago Nam Van, que integra várias piscinas e uma área termal, com o intuito de atrair os cidadãos para aquela área da cidade e potenciar o seu contacto com a água. O passo seguinte, assume Sales Marques, pode passar por apresentar o projecto ao Governo: “Se eles estiverem dispostos a ouvir”.

“O meu projecto é a tese final do curso de arquitectura na Universidade de São José. O projecto que propus foi umas piscinas no lago Nan Van, inserido no lago. A minha intenção é trazer mais vida à zona. Recentemente melhoraram ali numa certa zona, mas penso que trazer mais qualquer coisa que faça as pessoas irem lá, seria positivo”, explicou ontem Luís Sales Marques ao PONTO FINAL, após a cerimónia de entrega de prémios do “Y Show”.

O arquitecto, de 33 anos, descreveu o projecto que pressupõe a inserção no lago de um complexo que contempla várias piscinas: “É um centro de desportos aquáticos e de lazer, relacionado com o desporto aquático. Integra uma piscina olímpica, uma piscina exterior, mais de lazer, uma piscina de água quente, que é tipo umas termas, e inclui também uma piscina de mergulho”. O autor do projecto destaca o facto de as piscinas estarem “todas interligadas por uma espécie de canal. Dessa forma o utilizador não precisa de sair da água e pode percorrer as piscinas todas”.

Para Luís Sales Marques, o projecto explica-se com o desejo de aproximar da água uma população que, defende, dela permanece apartada: “A ideia é dinamizar a área dos lagos, porque Macau, sendo uma península, infelizmente não sente muito o contacto das pessoas com a água. Essa é a razão que me fez pensar em algo que ligasse a água às pessoas e à terra”.

Para o finalista da segunda edição do “Y Show”, a participação num evento que procura conferir visibilidade ao trabalho criativo de recém-licenciados pode alavancar a entrada no mercado de trabalho: “É sempre bom como incentivo. É um reconhecimento, que é valorizado também perante os que procuram gente nova para entrar para as empresas. Penso que é sempre um elemento de valor”.

O arquitecto, que iniciou a formação em Londres e concluiu na Universidade de São José, pretende estabelecer-se profissionalmente no lugar onde nasceu: “Sim, é a minha terra, espero contribuir da melhor forma possível, é essa a minha intenção”. De parte não está a possibilidade de apresentar ao Governo o projecto agora distinguido: “Pode ser que sim, se eles estiverem dispostos a ouvir. Penso que eles estão a tentar dinamizar e até promover ideias novas, estão a tentar fazer qualquer coisa de diferente em relação aquilo que já existe. Tem que se começar por conversar, não custa nada tentar fazer um primeiro ‘approach’ e, eventualmente, nunca se sabe”.

Para além de Luís Gabriel Sales Marques, nove outros criadores e projectos foram distinguidos com um prémio pela sua qualidade artística excepcional, seis deles oriundos de instituições de ensino superior do território. São eles Morito Kozuma, Ho Sze Yin Calvin, Wang Chenxu, Maiiko Leong, Zhou Yue Ying, Fancy e Yolanda, Sacnite Tang, Marie Scheffzük e Chen Shenghao.

 

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s