Voleibol: Jovens do território jogam lado a lado com atletas da selecção chinesa

Cerca de duas dezenas de praticantes de voleibol do território tiveram ontem a oportunidade de jogar lado a lado com cinco atletas da selecção chinesa que vai disputar, no fim-de-semana, a etapa de Macau do Grande Prémio Mundial de Voleibol. Ainda que lamentem o curto tempo dispensado, os jovens e os treinadores envolvidos fazem um balanço positivo da actividade.

0.Volei

Duas equipas de voleibol formadas por jovens do território participaram ontem num treino e numa curto desafio com cinco atletas da selecção chinesa. Na partida esteve inclusive presente a capitã Ting Zhu, que ainda se encontra a recuperar de uma intervenção cirúrgica. As jogadoras da Selecção Juvenil de Macau e os atletas do Instituto Salesiano jogaram lado a lado com Ting Zhu, Jingwen Qian, Mengjie Wang, Yunlu Wang e Yixin Zheng que, momentos antes do início da partida, tinham treinado alguns gestos técnicos com os jovens locais. A selecção de voleibol da República Popular da China chegou na segunda-feira a Macau para disputar a segunda jornada do Grande Prémio de Voleibol da FIVB (Federação Internacional de Voleibol), que se desenrola entre sexta-feira e domingo no Fórum de Macau.

Um momento “muito emotivo”, é como Shamita, de 16 anos, descreve a oportunidade que teve de jogar lado a lado com as atletas da selecção nacional: “Eu não acredito que tive a oportunidade de jogar com a equipa nacional da China, de realmente jogar com elas em campo. Foi muito entusiasmante e estou mesmo muito feliz”, afirmou ao PONTO FINAL a atleta, que há um ano se começou a dedicar “seriamente” a esta modalidade. A jogadora – que dentro de campo assume a posição de atacante – teve ontem a oportunidade de praticar as suas competências como passadora e distribuidora de jogo: “[A capitã] estava atrás de mim e eu estava a passar a bola muito para o lado e depois ela disse-me para a colocar mais pelo meio”, explica Shamita, que não deixou de lamentar  o “pouco tempo” que teve com as atletas da selecção nacional.

O treinador da Selecção Juvenil de Macau, Leong Veng Tong, considerou a oportunidade como “muito importante” por “incutir nas jovens uma vontade de jogar voleibol e de melhorar a sua técnica”. Também Lai Sai Tik, responsável pela equipa de voleibol masculina do Instituto Salesiano, disse que era “muito importante para os alunos terem a oportunidade de comunicar e aprender com as atletas da selecção da China”. Contudo, o técnico lamenta também que o treino de ontem não tenha permitido “uma grande evolução” devido à sua curta duração.

Thomson, um atleta de 13 anos que também tomou parte na iniciativa, diz que se sentiu “encorajado” a continuar a jogar voleibol e considerou a oportunidade como “muito especial” por lhe ter dado mais confiança: “Mesmo quando eu atacava e a bola ia fora elas [as atletas da selecção chinesa] diziam-me para continuar a tentar porque a próxima vez ia ser melhor”, narra o jovem, que se iniciou na prática da modalidade aos nove anos.

 

CVN

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s