PSP nega chamada para o 999 que esteve dez minutos sem resposta

3.Phone Fraud

A Polícia de Segurança Pública negou que uma chamada feita para o 999 – a linha de emergência do território – tenha estado dez minutos sem ser atendida. O caso remonta à manhã de sábado, depois de um homem ter caído de um edifício na Rua Cinco de Outubro. Outras pessoas que estavam no local efectuaram uma chamada para o 999 com o propósito de garantir auxílio para a vítima, mas terão sido alegadamente necessários mais do que dez minutos para que a chamada fosse atendido.

O alegado caso tinha sido avançado pela MASTV, mas a PSP veio esclarecer, de acordo com a emissora em chinês da Rádio Macau, que a história não corresponde à verdade. De acordo com as autoridades todas as chamadas efectuadas para o 999 ficam gravadas num sistema informático e a Corporação garante que não foi encontrada qualquer chamada sem resposta.

Por outro lado, explicaram as autoridades, entre as seis e sete da manhã houve um total de 23 telefonemas a pedir socorro, com todos a serem atendidos num tempo médio de 9 segundos. A Polícia de Segurança Pública também afastou o cenário da linha ter estado incontactável devido a um grande número de telefonemas eventualmente feitos em simultâneo para o 999.

 

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s