Associação de motoristas insta DSAL a enfrentar questão dos condutores ilegais

A associação “Macau Drivers Will Win Rights” (ou Motoristas de Macau pela Conquista de Direitos) vai entregar hoje uma carta à Direcção dos Serviços para os Assuntos Laborais (DSAL) em que requer medidas repressivas rigorosas contra a contratação de trabalhadores ilegais. Os membros do organismo ficaram indignados com o incidente que na quinta-feira passada matou um ciclista na Areia Preta.

3.Matriculas

Elisa Gao

A Associação de Motoristas de Macau pela Conquista de Direitos (a partir da designação em língua inglesa “Macau Drivers Will Win Rights”) quer que o Governo adopte e implemente medidas que restrinjam a contratação de motoristas não-residentes. O apelo surge em resposta ao acidente que na quinta-feira passada vitimou um residente que circulava numa bicicleta. O homem, de 69 anos, foi abalroado por um camião cisterna conduzido por um cidadão da República Popular da China sem habilitação legal para conduzir veículos pesados de transporte de mercadorias. Os membros do organismo vão entregar esta segunda-feira uma carta à Direcção dos Serviços para os Assuntos Laborais (DSAL) e esperam reunir-se com Wong Chi Hong, director da DSAL.

De acordo com o jornal Ou Mun Iat Pou, o condutor, de 50 anos, é oriundo da China Continental e possui “autorização de trabalho” enquanto estafeta e não como condutor de transportes pesados de mercadorias. A Federação das Associações dos Operários de Macau (FAOM) entregou uma petição à Polícia de Segurança Pública (PSP), na passada sexta-feira, pedindo o reforço do combate a trabalhadores ilegais, bem como a penalização dos respectivos empregadores.

“O homem desepenhava funções enquanto estafeta e não condutor; o porquê de ele se atrever a conduzir, temos de perguntar ao empregador”, disse Thomas Chan, presidente da “Macau Drivers Will Win Rights”. Chan instou o Executivo a investigar o acidente de forma rigorosa, com o propósito de esclarecer as razões que levaram à violação do contrato de autorização de trabalho, bem como as responsabilidades legais que envolvem a contratação de trabalhadores não locais para assumirem funções de motoristas.

No sentido de despertar a atenção da população do território, Thomas Chan vai lançar uma campanha de angariação de fundos, ainda esta semana, entre os motoristas, para publicar a petição que a associação tenciona entregar hoje à DSAL, em forma de publicidade, nos jornais do território: “Esperamos que mais cidadãos tomem conhecimento da existência de condutores que atravessam a fronteira e que a realidade dos trabalhadores ilegais é injustificável. O Governo deveria mesmo reforçar a aplicação da lei, ao invés de nada fazer”, referiu Thomas Chan em declarações aos jornalistas.

Quanto ao montante que espera recolher com a campanha de angariação de fundos, o dirigente diz que vai depender sobretudo da generosidade dos profissionais do volante: “Depende dos motoristas, de quanto conseguirem arrecadar. Depois publicaremos com o tamanho respectivo ao montante. Se a campanha de recolha não funcionar, não publicaremos o anúncio”, admite o dirigente. Chan prevê, no entanto, que o comunicado seja publicado na próxima semana.

Lee Kin Yun, presidente da Associação de Activismo para a Democracia, também esteve presente na conferência de imprensa, ao lado de Thomas Chan e do vice-presidente da “Macau Drivers Will Win Rights”, Chan Man Chak. Lee Kin Yun vai submeter a sua candidatura às eleições directas da Assembleia Legislativa esta tarde. Thomas Chan, por outro lado, garantiu que nem o próprio, nem Chan Man Chak se vão candidatar às eleições de Setembro.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s