O figurativo, o ficcional e a natureza humana na escultura de Tong Chong

O artista local Tong Chong inaugura hoje a mostra “Restless Nature”, a primeira dedicada à escultura a ser apresentada no Taipa Village Art Space. As peças resultam de três anos de investigação sobre diferentes técnicas aplicadas na arte de trabalhar o contraplacado. As criações mantêm-se em exposição até ao dia 6 de Setembro.

 

300px-Macau-Taipa_Bridge_Mo707

Joana Figueira

Explorador constante de novos modos de abordar o trabalho em contraplacado, Tong Chong dá forma a uma material que o atrai pela beleza natural e pela textura, com o propósito de explorar a relação entre o desenvolvimento humano e a natureza. O artista esculpe em blocos de madeira criaturas ficcionais e criações figurativas, num processo que, assume, não pode ser dissociado da força física e psicológica que encontra em si próprio e transpõe para cada peça. Em “Restless Nature”, Tong Chong apresenta sete esculturas que reflectem o resultado de três anos de trabalho intenso.

“Cada peça nesta exposição é resultado de pesquisa e do trabalho em contraplacado ao longo de três anos, utilizando três diferentes técnicas para  esculpir o contraplacado e muitas mais ideias. A atenção do público deverá direccionar-se para três conjuntos principais –  Nuvem, Peixes e Circular – que acentuam e capturam o espírito da cultura do Oriente. O conceito que sustenta os trabalhos é a expressão do que são actualmente a cultura e o estilo de vida da sociedade, reflectindo ao mesmo tempo sobre a natureza humana e o papel do Homem no ambiente e ecologia”, contou ao PONTO FINAL Tong Chong, que faz de Macau a sua cidade desde 1984.

Entre quatro e seis meses, foi o tempo que cada escultura da nova série de obras levou a esculpir: “O próprio acto de esculpir é um processo que exige estamina física e psicológica que não podem ser levadas ligeiramente, a minha personalidade incorpora cada uma das peças: a perseverança de alcançar os objectivos e uma alma inquieta, ansiosa pela evolução e aperfeiçoamento das capacidades técnicas”, explica o artista.

A beleza natural, a textura e temperatura da madeira  foram os factores que convenceram Tong Chong, na fase de escolha do material que trabalha.“Restless Nature” mostra um conceito artístico representado através dos entalhes no contraplacado, trabalhados ao mínimo detalhe e muitas vezes finalizados com a ajuda de cola: “Desenvolver uma cola adequada à escultura em madeira é crucial; e é vital garantir a melhor qualidade, tanto da cola como madeira seca”, explicou o artista.

As técnicas aplicadas em esculturas em madeira, desenvolveu-as o artista ao longo das duas últimas décadas e Tong Chong tenta saber, sobre elas, tudo quanto consegue: “Exploro constantemente  novas formas de abordar as esculturas feitas com madeira”, apontou, denunciado a dificuldade em obter as matérias-primas que trabalha em Macau.

 

 

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s