Ligações à Zona A prontas a tempo da inauguração da ponte HK-Zhuhai-Macau

O Governo está confiante de que as ligações entre Macau, o aterro da Zona A e a Ilha Artificial da ponte HK-Zhuhai-Macau vão estar prontas a tempo da abertura da grande travessia do Delta do Rio das Pérolas. A garantia foi ontem deixada por Raimundo do Rosário numa reunião com a Comissão de Acompanhamento para os Assuntos de Terras e Concessões Públicas.

1.Aterros.JPG

João Santos Filipe

Os acessos entre Macau, o aterro da Zona A e a Ilha Artificial da Ponte Hong Kong-Zhuhai-Macau vão ficar concluídos a tempo da abertura da travessia do Delta. Por outro lado, já se fazem os projectos para a construção das primeiras habitações no referido aterro. A garantia foi ontem dada pelo secretário para os Transportes e Obras Públicas, Raimundo do Rosário, à Comissão de Acompanhamento para os Assuntos de Terras e Concessões Públicas, na Assembleia Legislativa.

“As obras no aterro da zona A estão a decorrer e ficam prontas até ao final do ano. As Obras Públicas já escolheram uns quarteirões onde começaremos a fazer o projecto para a construção de habitação pública. Como sabem estão prometidas 32 mil casas, 28 mil serão habitação pública e 4 mil privadas”, afirmou o secretário para os Transportes e Obras Públicas.

“Não sou capaz de avançar uma data para a conclusão das obras para as habitações, nem tão pouco o número. No fim deste ano, as Obras Públicas disponibilizarão ao GDI [Gabinete para o Desenvolvimento de Infra-estruturas] os primeiros quarteirões [na Zona norte do Aterro] onde eles iniciarão o projecto e depois podem fazer a obra”, frisou.

Sobre os restantes aterros, Rosário explicou que a zona B, que se situa ao largo da orla costeira da Península, e a zona E2, junto ao aeroporto, estão prontas. Já as zonas C – entre a ponte Sai Van e Nobre Carvalho – e E1 – ao lado da ponte da Amizade – vão ficar concluída até ao final do ano. Finalmente a Zona D, entre a – ponte da Amizade e a Nobre Carvalho – fica concluída no próximo ano.

Foi o presidente da comissão, Ho Ion Seng que revelou o compromisso do Executivo: “Segundo as informações prestadas pelo Governo, a rede viária e os acessos [entre a ponte, Zona A e Macau] vão ficar prontos no terceiro ou quarto trimestre deste ano”, disse o deputado. “O Governo mostrou-se confiante que vão conseguir cumprir esses prazos, para que a abertura aconteça ao mesmo tempo da abertura da ponte Hong Kong-Zhuhai-Macau”, acrescentou.

Ainda sobre a ligação entre a Zona A e Macau, esta vai ser feita junto à rotunda da Amizade, tendo seis faixas de rodagem, três em cada sentido.

 

Tribunais em frente ao casino MGM

 

Já sobre as travessias entre Macau e a Taipa, no que diz respeito à quarta ligação, que vai ligar a Zona A à E1, o governo está neste momento a trabalhar nos estudos do impacto ambiental. Ao mesmo tempo, Ho Ion Seng, informou que começou a ser feito o projecto para a quinta travessia, que vai ligar as Zonas B e D.

 

Na reunião foram dados a conhecer mais detalhes sobre a Zona B, tendo o deputado explicou que junto do Museu de Ciência de Macau vai ser construído um grande jardim, enquanto que os edifícios da Zona Administrativa e Judiciária, como os tribunais, vão ficar à frente do casino MGM. Excluída está a construção de habitações. Ho Ion Sang disse também que o Governo vai respeitar as restrições ao nível da construção em altura impostas pela UNESCO.

Já na Zona E1 vai ficar as instalações dos Serviços de Alfândega e de outras entidades do sector da segurança, assim como uma zona para a reparação de helicópteros.

 

 

 

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s