Ella Lei quer saber quando avança auto-silo em Seac Pai Van

O projecto de construção de um silo automóvel na zona de Seac Pai Van foi suspenso, depois de, em 2012, a empreitada de construção da obra ter sido adjudicada. Ella Lei quis saber quando será retomada a obra. O Instituto para os Assuntos Cívicos e Municipais respondeu à deputada que a submissão de um novo projecto de desenho deve acontecer na segunda metade do corrente ano.

1-parque-estacionamento.png

Ella Lei interpelou por escrito o Governo sobre a suspensão do projecto de construção de um silo automóvel na zona do Parque de Seac Pai Van, depois de em 2012 o Executivo ter avançado com a adjudicação da empreitada de construção. A deputada da ala laboral quis saber o que vai o Executivo fazer com os contratos  já celebrados e quais são os planos do Governo relativamente à retoma da empreitada. Lo Chi Kin, do Instituto para os Assuntos Cívicos e Municipais (IACM), respondeu que o plano de construção, que previa a construção do imóvel na periferia do Parque, obrigou a alterar o projecto da obra, tendo chegado a acordo com o empreiteiro para a rescisão do contrato, sem que daí tenham resultado encargos. O IACM prevê que a submissão de um novo projecto de desenho decorra ainda neste segundo trimestre:  “Depois de ter adjudicado a empreitada de construção do silo auto no Parque de Seac Pai Van, em 2012, o Governo suspendeu o respectivo projecto. Porquê? O que é que se vai fazer quanto aos contratos celebrados e ao que já foi pago através do erário público?”, questiona Ella Lei, em interpelação remetida ao Executivo.

Lo Chi Kin respondeu que, em articulação com o plano de construção, “previsto para a periferia do Parque de Seac Pai Van, e que obriga a alterar o projecto de desenho da obra”, o IACM comunicou com o empreiteiro, “havendo-se chegado a um consenso e à rescisão já do respectivo contrato”: “Por a obra ainda não estar a ser desenvolvida, do facto não resultam quaisquer despesas a pagar”, assegurou o presidente substituto do conselho de administração do Instituto para os Assuntos Cívicos e Municipais.

A deputada quis ainda saber quais são os planos do Executivo “quanto à retoma da empreitada de construção do silo-auto” e “de que medidas dispõe o Governo para minimizar os impactos das obras para o ambiente ecológico à volta do Parque de Seac Pai Van?”.

O presidente substituto do conselho de administração do IACM referiu que o organismo “debruça-se, de momento, novamente, sobre o projecto de desenho da obra”: “Levando em consideração a planta de alinhamento oficial, elaborada pelos serviços competentes de planeamento, prevê-se que a submissão do projecto de desenho e a respectiva apreciação possam decorrer no segundo trimestre”, adianta o responsável.

Quanto ao impacto ambiental da obra, Lo Chi Kin assinala que, encontrando-se o projecto na fase de elaboração de desenho, “dentro do possível, atenderá ao ambiente e localização física dessa zona”, e “aproveitará, ao máximo, as condições naturais, como ventilação e a luz solar e, a par disso, adoptará medidas que contemplem a redução das escavações na encosta e da volumetria de construção, para que ele se integre melhor na paisagem na zona envolvente”.

Para além disso, o presidente substituto do IACM assegurou que, “serão utilizadas, na construção, a cravação por pressão estática ou estacas moldadas, existindo sempre um controlo rigoroso dos ruídos e da dissipação de poeiras no ar. Deste modo, procurar-se-á minimizar o impacto causado ao ambiente, a animais e plantas existentes durante a construção”, garantiu o dirigente.

 

 

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s