Polícia Judiciária detém 14 trabalhadores ilegais na Areia Preta

2013-10-03 11.44.42

A Polícia Judiciária (PJ) realizou uma acção de inspecção num estaleiro de construção situado na Rua Central da Areia Preta, tendo detido 14 trabalhadores ilegais. De acordo com a emissora em língua chinesa da Rádio Macau, a Polícia Judiciária surgiu de repente no local, tendo detido os trabalhadores que, por sua vez, eram detentores de um visto ou de um passaporte chinês. Os mesmos tinham entre 20 e mais de 50 anos, e cumpriam funções na áreas das limpeza, da pintura, da instalação de canalizações, bem como no domínio da electricidade. De acordo com a mesma estação de rádio, os rendimentos diários dos 14 trabalhadores interceptados variavam entre as 300 e as 600 patacas e o período de tempo durante o qual ali trabalharam variava entre 1 e 10 dias. Durante a mesma acção de inspecção a Polícia Judiciária deteve ainda um indivíduo suspeito de empregar trabalhadores ilegalmente, e ainda cinco indivíduos responsáveis ou sub-empreiteiros no projecto de construção em causa.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s