Alunos da USJ querem aproximar residentes da frente ribeirinha

 

É já na Sexta-feira que é inaugurada a mostra “À Beira-rio”, a exposição anual que dá a conhecer os projectos de alunos finalistas do curso de Arquitectura da Universidade de São José. O tema deste ano é a revitalização da área do Porto Interior.

1.universidade-sao-josejpg

Joana Figueira

 

As instalações da Creative Macau acolhem na sexta-feira a inauguração da exposição anual que dos alunos finalistas do Departamento de Arquitectura da Faculdade de Indústrias Criativas da Universidade de São José (USJ), mostra que apresenta oito projectos arquitectónicos que foram desenvolvidos pelos estudantes ao longo de dois semestres. Intitulada “À Beira-rio”, a exposição tem este ano como foco a área do Porto Interior, uma zona com um grande potencial para trabalhos de revitalização arquitectónica e urbanística.

Os temas abordados na mostra variam anualmente. Na edição de 2017 do certame, a escolha do tema foi feita por Thomas Daniell, director do Departamento de Arquitectura, que explicou ao PONTO FINAL que o Porto Interior “pareceu um tópico interessante de explorar.” Os projectos tiveram como propósito convencer os alunos que a arquitectura não se cinge apenas à construção de novas instalações, mas implica também capacidade de adaptação: “Isto permite aos alunos perceberem que podem recorrer a um processo de adaptação entre edifícios que já existem e os seus projectos”, apontou o docente.

A ideia de tomar como ponto de partida a área do Porto Interior para desenvolver os trabalhos teve também como objectivo impulsionar a criação de propostas que promovam a qualidade de vida naquela zona específica do território. Os projectos destinam-se à revitalização do património cultural e industrial da área, numa tentativa de estimular a relação entre os cidadãos e a zona ribeirinha.

O convite para que os alunos do curso de Arquitectura se envolvam na realidade da cidade não é, de resto, uma novidade. No ano passado, a iniciativa esteve centrada na projecção de novas actividades públicas em Macau, no sentido de responder ao repto lançado pelo Governo tendo em vista a diversificação da economia, para que a RAEM não esteja tão dependente do turismo associado à indústria do jogo. Já em 2015, a Ponte do Delta do Rio das Pérolas deu o mote aos projectos – permeados por visões futuras para a arquitectura e design urbano de Macau – concebidos em resposta aos efeitos que a travessia pode vir a ter em toda a área envolvente à Região do Delta do Rio das Pérolas.

“À Beira-rio” propõe-se também dar a conhecer o potencial de uma nova geração de arquitectos do território. O programa de arquitectura da Universidade de São José é o único existente na RAEM, sendo que os primeiros licenciados receberam o respectivo diploma em 2014. A exposição é inaugurada na próxima Sexta-feira, às 18h na Creative Macau e permanece patente ao público até ao dia 17 de Junho. A entrada é livre.

 

 

Bambu pega de estaca nas margens do Lago Sai Van

3.sai-van-lake

É uma estrutura construída a partir de paus de bambu, aço e cordas e vai crescer, a partir do dia 22 e até ao dia 27, junto ao Lago Sai Van. O Pavilhão “Elapse” – é assim que é designada a estrutura – foi desenhado e construído por alunos do terceiro ano do curso de arquitectura da Universidade de São José (USJ).

O design ganha vida através da projecção de vídeo mapping, ao qual se juntam música e uma performance ao vivo, no dia da inauguração da exposição.

“Ao serem aplicadas técnicas de design digital avançado nos materiais de construção vernaculares, o pavilhão pretende ressoar a cultura dos edifícios históricos de Macau e a sua paisagem urbana”, lê-se num comunicado da Universidade de São José enviado às redacções.

Este é o sexto ano em que este projecto é promovido e tem o intuito de permitir aos estudantes colocar em prática os conhecimentos que adquiriram em contexto académico. O início da cerimónia de inauguração da estrutura está agendado para as 19h30 da próxima segunda-feira e a performance de Candy Kuok e Tomas Tse, da “Soda-City Experimental Workshop Arts Association, está marcada para as 20h.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s