Pequim proíbe nomes islâmicos em Xinjiang

0.kashi

As autoridades de Xinjiang, noroeste da China, estão a proibir os pais de darem nomes islâmicos aos filhos, numa tentativa de diluir a influência da religião numa região habitada pela minoria muçulmana chinesa Uigur. “Muhammad,” ”Jihad” e “Islam” estão entre os 29 nomes banidos em Xinjiang, segundo uma lista distribuída por activistas uigures além-fronteiras.

Um funcionário do gabinete de Segurança Pública em Kashgar, cidade de Xinjiang com forte tradição islâmica, disse à agência Associated Press que alguns dos nomes foram proibidos porque têm “origem religiosa”.

A restrição faz parte de um esforço mais amplo de Pequim para secularizar a região, frequentemente palco de conflitos entre os Uigur e a maioria Han, predominante em cargos de poder político e empresarial regional.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s