Associações chamadas a opinar sobre voto de invisuais

 

Braille

A Comissão de Assuntos Eleitorais da Assembleia Legislativa (CAEAL) auscultou as opiniões de três associações de deficientes visuais sobre as medidas de apoio propostas tendo em vista os eleitores com deficiências visuais. O encontro realizou-se na passada segunda-feira, sentando à mesma mesa o secretariado da CAEL e os representantes da Associação de Promoção dos Direitos de Pessoas com Deficiências Visuais de Macau e de dois outros organismos. Estiveram presentes neste encontro Ip Kam Man, presidente da Associação de Apoio Mútuo para Deficientes Visuais e suas Famílias em Macau, Leong Sut Mui, directora do Centro de Reabilitação de Cegos da Santa Casa da Misericórdia e Lou In Leng, vice-presidente da Associação de Deficientes Visuais de Macau.

Joana Maria Noronha, secretária-geral da Comissão de Assuntos Eleitorais da Assembleia Legislativa, apresentou uma proposta relativa ao modelo e aos equipamentos de apoio destinados aos eleitores com deficiências visuais. Ambas as partes trocaram opiniões sobre o atendimento e os procedimentos de votação na assembleia de voto.

Em Março, a Associação de Promoção dos Direitos das Pessoas com Deficiência Visual respondeu com críticas à intenção da CAEAL de avançar para a criação de boletins de voto em braille, referindo que a iniciativa poderia vir a falhar, uma vez que parte substancial dos invisuais em Macau não sabem ler em braille.

A CAEAL espera que, nesta eleição, para além da medida actualmente prevista (e que permite a ajuda por parte de um eleitor indicado) os eleitores invisuais possam ter uma alternativa, recorrendo a equipamentos de apoio para entrarem na cabine e marcarem o boletim de voto com o carimbo na zona pretendida sem necessidade de serem acompanhados por terceiros.

A CAEAL prometeu ainda optimizar as funções da página electrónica e a versão de telemóvel, para facilitar que os eleitores com deficiências visuais possam obter as informações sobre os grupos de candidatura e as eleições. Entretanto, também irá criar assembleias de voto para simular as eleições com os equipamentos de apoio, de modo que os intervenientes conheçam e entendam bem o funcionamento dos novos equipamentos de apoio e as novas medidas.

 

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s