MIECF: “Estamos a unir-nos para ultrapassar e resolver todas as dificuldades que nos estão a afectar a todos”

 

Steiner_Achim_webnews

Achim Steiner, antigo director executivo do Programa das Nações Unidas para o Meio Ambiente e actual vice-presidente internacional do Conselho Chinês para a Cooperação Internacional em Meio Ambiente e Desenvolvimento, foi convidado pela organização do Fórum e Exposição Internacional de Cooperação Ambiental de Macau (MIECF) para ser o key speaker da edição de 2017 do certame. Ontem, discursou na cerimónia de abertura sobre os desafios que se colocam aos Estados e à população no âmbito da protecção do ambiente.

Sobre a MIECF, o especialista em questões e políticas ambientais apontou que “este sistema de união significa mais oportunidades para todos nós porque não estamos a resolver apenas os nossos próprios problemas, mas estamos a unir-nos para ultrapassar e resolver todas as dificuldades que nos estão a todos.”

O antigo responsável da ONU defendeu que o maior dos desafios com que a humanidade se depara em termos de gestão ambiental se prende com a elevada preponderância do consumo energético: “Temos que assegurar o crescimento e temos que caminhar para uma vertente de consumir menos e fazer elevar mais outros âmbitos. Estamos na era do mundo digital. Temos tantos sistemas inteligentes e estes sistemas podem ajudar-nos a uma melhor produção e a um menor consumo”, defendeu.

Achim Steiner sublinhou com essencial o contributo do ser humano, “sendo praticamente o ser dominante”, para a construção das “influências ao desenvolvimento de toda a terra e de si próprio”. O especialista lembrou que o consumo de energias e recursos naturais e a emissão de poluentes tem um grande impacto na “nossa própria saúde, na nossa própria vida e na nossa própria história”.

Quanto ao crescimento demográfico que se verifica em todo o mundo, Steiner deixou um alerta: “Temos de ter atenção porque quando a população cresce é muito natural que isso implique, também, o aumento da libertação de poluentes, o que implica também a redução de zonas verdes porque temos que explorar mais espaços para vivermos.”

Achim Steiner nomeou ainda a “quantidade de recursos alimentares desperdiçados” como outro dos grandes problemas ambientais, explicando que “quando a produção é muita, quando é barata, produz-se muito e as pessoas deixam de dar valor aos recursos alimentares.” J.F.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s