Lai Chi Vun: Governo suspende demolição dos estaleiros

O processo de demolição dos antigos estaleiros navais de Lai Chi Vun, na ilha de Coloane, foi ontem suspenso e “nenhuma obra pode ser realizada” por um período de cerca de um ano. A decisão foi adiantada pelo Instituto Cultural (IC). O organismo vai iniciar, em Abril, o processo de avaliação das estruturas para determinar o seu valor patrimonial.

1.Ponto Final

Joana Figueira

A esperança voltou ontem a apoderar-se de Lai Chi Vun. O Instituto Cultural (IC) anunciou ontem que vai dar início ao processo de avaliação do valor patrimonial dos antigos estaleiros navais de Coloane, uma decisão que coloca um travão, pelo menos a título temporário, à empreitada de demolição das estruturas e impede que sejam emitidas licenças de construção para a área pelo período de um ano.

O parecer do organismo relativo ao valor patrimonial da área terá de ser, depois, aprovado pelos restantes departamentos e tutelas do Governo. Leung Hio Ming, presidente do Instituto Cultural, garantiu que a avaliação será feita de acordo com o que está estabelecido na “Lei de Salvaguarda do Património Cultural” e reiterou a vontade do organismo em preservar as características da povoação de Lai Chi Vun e até de criar um museu dedicado à história da construção naval no território.

“Será muito tarde só fazermos a abertura do procedimento de classificação agora, depois de dois estaleiros terem sido demolidos? Nós somos uma parte do Governo e também temos em conta a segurança da população”, reconheceu Leung Hio Ming. O Presidente do Instituto Cultural garantiu ontem, em conferência de imprensa, que “mais nenhum estaleiro vai ser demolido” até os trabalhos do IC estarem concluídos. Na semana passada, recorde-se, a Direcção dos Serviços de Assuntos Marítimos e de Água (DSAMA) tinha emitido indicações em sentido contrário, garantindo que já tinha começado a desenvolver os procedimentos necessários para demolir nove outros estaleiros.

A decisão de demolir as restantes nove estruturas – de um total de 11 – conheceu um recuo e as assinaturas e sugestões das entidades civis recolhidas, no sentido de “incitar” o Instituto Cultural a aplicar o procedimento de classificação do património aos estaleiros de Lai Chi Vun, foi um dos motivos para a decisão ontem anunciada.

De acordo com Leung Hio Ming, a concepção de qualquer futuro plano para a zona será da responsabilidade de diferentes serviços e departamentos governamentais: “Todas as autoridades vão desempenhar diferentes funções. Acredito que as instalações dessa área podem ser muito boas”, afirmou o responsável. “Queremos fazer o nosso melhor quanto à preservação dos estaleiros”, assume.

Quanto aos alegados planos para a revitalização de Lai Chi Vun que já estavam a ser desenvolvidos por empresas privadas, o dirigente afirmou que “o plano geral não tem só a ver com o Instituto Cultural”. Leung explicou que as ideias do organismo para o reaproveitamento da área passam pela construção de “um Museu para mostrar as artes de construção naval” e, “porque aquela área é ao pé da montanha e da água”, permitir “que o público possa aproveitar o espaço”.

 

“A PRESERVAÇÃO [DEVE] MANTER A PERSONALIDADE E A ALMA DA VILA”

 

Também presente na conferência de imprensa esteve David Marques, membro da associação dos moradores de Lai Chi Vun, que considerou a suspensão de qualquer intervenção uma “boa notícia”: “Depois de a questão da segurança ter sido afastada, a preservação [deve] manter a personalidade e a alma da vila”, disse aos jornalistas, à margem da conferência.

David Marques lembrou que, actualmente, vivem entre 10 a 15 famílias na localidade de Lai Chi Vun. Receia, por um lado, a atracção de turismo de massas à vila, contudo apoia o desenvolvimento de actividades culturais na zona: “Gostaria de ver um ambiente mais vibrante, mais coisas a acontecer lá, mais artes, mais cultura. Pessoalmente gostava de ver o grau de literacia da população subir, coisas que os façam felizes. Ao mesmo tempo espero que não se gere demasiada pressão, muitas pessoas a chegar. Esperamos um aumento da qualidade de vida, essencialmente, mas mantendo a alma, mantendo o modo de vida de Lai Chi Vun”, explicou.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s