Malásia confirma morte de Kim Jong-nam

3-master

A Malásia confirmou ao início da noite de ontem que o homem que morreu na segunda-feira em Kuala Lumpur era Kim Jong-nam. O vice-primeiro-ministro da Malásia, Zahid Hamidi, disse ter sido confirmado com a embaixada da Coreia do Norte que a vítima, que tinha um passaporte com o nome de Kim Chol, é Kim Jong-nam, filho primogénito do ditador norte-coreano Kim Jong-Il.

A identidade do morto tinha sido anteriormente confirmada pela Coreia do Sul, a cujas autoridades a Malásia recorreu para identificar as impressões digitais.

Já o inspector-geral da polícia malaia, Khalid Abu Bakar, anunciou  que foi detida uma terceira pessoa alegadamente envolvida no presumível homicídio de Kim Jong-nam, um cidadão malaio identificado como Abdul Samah.

O suspeito, segundo as autoridades, é namorado de uma das duas mulheres presas anteriormente, uma vietnamita e a outra indonésia. O cadáver de Kim Jong-nam foi examinado na quarta-feira por uma equipa forense, para determinar a causa de morte, mas até ao momento não foram avançadas informações.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s