Piloto revelação quer regressar à Guia para vencer Fórmula 3

George Russell impressionou no ano passado no Grande Prémio de Macau por conquistar a pole position no ano em que se estreou no traçado do território. Este ano o britânico quer regressar para vencer.

1-russell

George Russell, piloto que no ano de estreia conquistou a pole position na prova de Fórmula 3 em Macau, quer regressar já esta época ao Circuito da Guia com o objectivo de vencer. No entanto, o facto do britânico, de 18 anos,  disputar esta temporada o campeonato GP3 pode ser um obstáculo.

“Espero poder regressar no futuro”, afirmou George Russell, à revista britânica Autosport. “É um dos circuitos mais incríveis onde já conduzi. Normalmente quando não se é rápido não se consegue gostar de um traçado, mas mesmo na primeira sessão de treinos livres, quando não estava a ser competitivo, estava a adorar a pista”, confessou.

No ano passado, George Russel – que esta época vai passar a integrar o programa de formação de pilotos da Mercedes – alcançou o sétimo lugar final, num evento que ficou marcado pela vitória do português António Félix da Costa.

O piloto,  que representou a Hitech GP, impressionou por conseguir na estreia o melhor tempo na sessão cronometrada que define a grelha de partida para a corrida de qualificação, aliando a sua rapidez com o facto de ter começado a cair alguma chuva no fim da sessão e as interrupções da mesma:  “Dediquei-me muito aquela corrida. Ao longo de todo o ano de preparação sempre disse que preferia ser reconhecido pelo que poderia fazer na sessão de qualificação do que por partir do 20.º lugar e ganhar porque todos os outros tinham tido acidentes”, confessou à edição britânica da Autosport. “O sentimento foi inacreditável especialmente porque foi o meu primeiro ano na pista e a grelha de partida tinha um dos melhores alinhamentos em termos de experiência e qualidade”, acrescentou.

Depois de ter conseguido um terceiro lugar no Campeonato Europeu de Fórmula 3, também com a Hitech GP, Russell vai mudar-se para o campeonato GP3, que tem a ronda final agendada para o fim-de-semana de 26 de Novembro, ou seja no fim-de-semana seguinte ao evento da Guia.

O piloto de 18 anos admitiu que esta proximidade das datas pode impedir o regresso ao território já este ano, uma vez que a prioridade passa por conquistar o título do campeonato GP3. No entanto, caso a conquista da competição já esteja garantida por essa altura ou já não existam hipóteses matemáticas de ser conquistada a prova em Abu Dhabi, o regresso vai ser uma realidade.

No ano passado o italiano Antonio Giovinazzi, que competiu no campeonato GP2, e o tailandês Alexander Albon, que disputou o GP3, não conseguiram integrar a grelha de partida do Grande Prémio de Macau por estarem a disputar os respectivos campeonatos . Contudo, e apesar das ausências de Macau, nenhum conseguiu conquistar os ambicionados títulos.

 

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s