DSEJ não afasta possibilidade de escolas no Canídromo

KONICA MINOLTA DIGITAL CAMERA

A Direcção dos Serviços de Educação e Juventude (DSEJ) não afasta a hipótese de poder vir a construir novos complexos escolares no terreno onde estão situadas as instalações do Canídromo,, mas, esclarece, ainda assim, que a planificação da rede escolar tem por base o desenvolvimento económico e social do território e a evolução da estrutura demográfica de Macau.

Leong Lai, directora da DSEJ, garante que o Governo está apostado em melhorar o panorama geral do ensino no território no âmbito do programa “Céu Azul”. A responsável lembra que diferentes estabelecimentos de ensino requerem também diferentes soluções. A prioridade do Executivo passa por oferecer novas condições às escolas instaladas em edifícios residenciais e posteriormente melhorar as condições dos estabelecimentos de ensino que dispõem de instalações próprias. Leong Lai revelou que algumas das escolas deverão ser demolidas e posteriormente reconstruídas e afiançou que alguns dos terrenos recuperados pelo Governo deverão servir o desígnio de expandir o parque escolar do território.
A directora dos Serviços de Educação e Juventude falou à imprensa à margem da inauguração de um novo jardim nas instalações da Escola São Paulo. O espaço – que foi baptizado com o nome do antigo bispo do território, D. José Lai – deverá, no futuro, abrir portas à generalidade da população do território.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s