Ataque a hotel de Mogadíscio fez pelo menos 28 mortos

69d12340eb6b4a338c76ec5e51fba439_9

 

Vinte e oito pessoas morreram e 43 ficaram feridas em consequência de um assalto com armas ligeiras e dois carros-bomba levado a cabo ontem por um comando do grupo ‘jihadista’ Al-Shebab num hotel no centro de Mogadíscio.

“Registámos até agora 28 e 43 feridos. Isto é o que confirmámos com as nossas equipas, mas há outras ambulâncias que transportaram vítimas, não sabemos quantas”, indicou à agência France Presse, Abukadir Abdirahman Adem, director do principal serviço de ambulâncias na capital somali.

O assalto começou com o rebentamento de um carro bomba que se introduziu no famoso hotel Daya na capital somali, abrindo caminho a um grupo de terroristas que acederam ao interior daquele estabelecimento disparando indiscriminadamente.

Em seguida, um segundo carro-bomba explodiu nas imediações do hotel, causando muitos mortos e feridos, incluindo vários jornalistas que entretanto tinham acedido ao local.

Um ministro do Governo somali que no momento se encontrava dentro do hotel – junto ao Parlamento somali, no centro de Mogadíscio, e muito frequentado por políticos e pelos meios empresariais – disse à EFE que na altura do ataque decorria uma reunião entre grande número de deputados, no âmbito do processo eleitoral que decorre no país.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s