PJ detém três cidadãos do Continente por suspeita de burla

10-28_swindler

A Polícia Judiciária desmantelou uma rede de burlões que actuava nos bairros do Fai Chi Kei e de Toi San e que tinha por alvo sobretudo mulheres idosas.
Os burlões – três homens do Continente e um residente do território – faziam-se passar por fabricantes de electrodomésticos e componentes electrónicos que estariam em Macau supostamente para concretizar um negócio. A discussão, conduzida em público frente às vítimas, termina com um dos burlões – o alegado comprador – a abdicar da aquisição. Fingindo desespero, os restantes burlões aproximavam-se das vítimas (a maior parte das vezes mulheres sozinhas) e ofereciam-lhes um dos electrodomésticos que estariam a vender, sugerindo depois um negócio imbatível: uma vez que a mercadoria já se encontrava em Macau, os empresários propunham-se vender os aparelhos a baixo preço, oferecendo a um eventual comprador a possibilidade de vender a mercadoria com uma boa margem de lucro.
Depois de conseguirem convencer a vítima e de garantirem o pagamento, os alegados empresários desapareciam e não voltavam a dar sinal de vida. A rede de burlões terá lucrado mais de 70 mil dólares de Hong Kong com o golpe. Os três suspeitos do Continente estavam desde domingo sob vigilância das autoridades e foram detidos ontem em flagrante delito, quando se preparavam para aplicar o golpe do baú no Fai Chi Kei. Um quarto suspeito continua a monte.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s