Xi Jinping “aberto” a encontro com equipa de transição de Donald Trump

O presidente chinês, que se vai tornar na próxima semana o primeiro chefe de Estado da República Popular da China a marcar presença no Fórum Económico de Davos, não exclui a possibilidade de se poder vir a encontrar com membros da equipa de transição de Donald Trump. Na próxima semana, Xi deverá ainda encontrar-se com o novo secretário-geral da ONU, o português António Guterres.

Chinese President Xi Jinping Speaks at Seoul National University

O presidente da República Popular da China, Xi Jinping, está “aberto” a encontrar-se com os representantes da equipa do Presidente eleito norte-americano, Donald Trump, que participam no Fórum Económico mundial de Davos, na próxima semana, avançou esta quarta-feira o Governo chinês.

Xi vai participar pela primeira vez no Fórum Económico que se realiza na estância helvética de Inverno, como parte da sua visita de Estado, que se realiza na Suíça entre os dias 15 e 18 deste mês, e que, segundo avançou o vice-ministro dos Negócios Estrangeiros chinês, Li Baodong, estará centrada na defesa da globalização e multilateralismo: “Na medida em que a agenda o permitir, a parte chinesa está aberta a reuniões bilaterais”, disse Li numa conferência de imprensa em Pequim, questionado sobre um possível encontro de enviados de Trump, já que Anthony Scaramucci, membro executivo da equipa de transição, representará o Presidente eleito dos Estados Unidos no encontro suíço.

Li reconheceu que “discussões estão a decorrer” para essa hipotética reunião, mas não a deu como garantida. O responsável explicou também que a presença de Xi em Davos, onde no próximo dia 17 se tornará o primeiro Presidente chinês a fazer o discurso inaugural, tem como objetivo “demonstrar que a República Popular da China é uma potência responsável”.

Segundo o vice-ministro, na sua intervenção Xi vai defender a globalização e o sistema vigente de comércio internacional e irá manifestar a sua rejeição ao proteccionismo, apresentará as receitas de Pequim para solucionar os problemas da economia global e explicará o seu plano para construir a Nova Rota da Seda, um projecto que tem como grande finalidade promover o reforço dos laços comerciais entre Pequim e o resto do mundo.

Um dia depois, a 18 de Janeiro, o Presidente chinês vai visitar as instalações da Organização das Nações Unidas em Genebra, onde fará outro discurso centrado na promoção do multilateralismo e do papel da ONU nas relações internacionais.

Xi Jinping irá ainda encontrar-se com o novo secretário-geral da ONU, António Guterres, a quem irá transmitir o apoio da República Popular da China.

 

 

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s