Economia em crescimento e tensão no mercado imobiliário, prevê Albano Martins

516796-system__resources__image-566482Albano Martins prevê um pequeno crescimento da economia de Macau em 2017, alavancado pelo sector do jogo. O economista acredita que a indústria dos casinos vai continuar a crescer a dois dígitos. Martins alerta, contudo, para a instabilidade global provocada pela eleição de Donald Trump para a presidência dos Estados Unidos da América, que poderá “colidir com o crescimento chinês” e criar tensões na economia regional. O especialista aponta ainda como “factor muito preocupante” a subida de preços no mercado imobiliário, potenciada pelo crescimento no jogo.

“Vamos assistir provavelmente a um crescimento da economia de Macau em 2017. Já vai haver um crescimento pequeno, mas tudo vai depender um pedacinho da componente jogo”, assinalou ontem Albano Martins, em declarações ao PONTO FINAL. O economista questiona, contudo, até que ponto poderá a eleição de Trump afectar a ascensão da economia chinesa. “Há um grande factor de instabilidade mundial, que foi a eleição de Trump. Nós não sabemos bem como é que isso vai afectar as relações de Estado com a China, e até que ponto o jogo vai apanhar por tabela”, alerta. “Até que ponto é que isso não vai colidir com o crescimento chinês, e até que ponto isso não vai criar tensões ao nível da própria economia regional. E, claro, Macau apanha por tabela, porque é uma economia totalmente dependente da China”, assinala.

Para o economista, no sector do jogo auguram-se ventos de crescimento: “O sector do jogo, mantendo-se constantes as condições, vai continuar a crescer a dois dígitos. E portanto vai puxar a economia para cima. Portanto nós vamos ter uma economia a crescer”. Martins assinala ainda o que considera ser o reverso de um cenário de recuperação económica: “Mas vamos ter um outro factor muito preocupante, que é o disparo de novo dos preços do imobiliário. Porque a falta de terrenos, o facto do Governo tirar terrenos à iniciativa privada, e o facto de o jogo voltar de novo a arrancar, vai criar de novo fortes tensões no mercado imobiliário. E nós vamos sentir essa preocupação, para além do início da subida de novo da inflação”, antevê o economista. S.G.

 

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s