Veteranos do Vitória de Setúbal estreiam-se no Torneio da Soberania

Antigos futebolistas da região e dos países e territórios vizinhos disputam o troféu comemorativo do “Torneio da Soberania”, que conta sempre com uma equipa portuguesa convidada. No relvado do Canídromo, os velhos craques dos relvados vão tentar mostrar, com uma bola nos pés, que “quem sabe nunca esquece”.

1.VeteranosSetubal.jpg

Rodrigo de Matos

Tem vindo a crescer de ano para ano e é já uma tradição nas celebrações da transferência de administração do território entre Portugal e a República Popular da China: o Torneio de Futebol de Veteranos que se realiza desde o primeiro aniversário da RAEM vai conhecer a sua 16.ª edição, com algumas novidades. Além do alargamento para oito equipas, a competição conseguiu trazer, pela primeira vez, uma formação do Japão. De Portugal, virá uma selecção de antigas glórias do Vitória de Setúbal para se estrear no torneio, no campo do Canídromo. A prova decorre entre os dias 16 e 18 deste mês.

“Tentamos sempre trazer uma equipa de Portugal. Achamos que faz todo o sentido, uma vez que Portugal governou este território por mais de 450 anos. Tentamos que seja sempre uma equipa diferente”, explicou ontem Francisco Manhão, presidente da direcção da Associação dos Aposentados, Reformados e Pensionistas de Macau (APOMAC) e anterior presidente da Associação dos Veteranos de Futebol de Macau, a entidade que organiza o evento. “Este ano, vamos ter cá o Vitória de Setúbal”, revelou em primeira-mão ao PONTO FINAL.

O torneio começou com apenas quatro equipas, cresceu para cinco, para seis, e este ano passa a contar com oito formações. Após várias tentativas, a organização conseguiu finalmente trazer um conjunto do Japão – um seleccionado de ex-jogadores da ilha de Okinawa. Além dos nipónicos, dos sadinos e da selecção de veteranos de Macau, completam o cartaz as selecções de Hong Kong, Taiwan, Coreia do Sul e duas outras da China Continental, representando as províncias de Cantão e de Fujian.

 

Três dias de muito futebol

 

Disputados em duas partes de meia-hora cada – excepção feita à final, que terá 40 minutos em cada metade –  os jogos vão ser distribuídos pelos três dias, com um grupo formado por Macau, Hong Kong, Taiwan e Cantão a disputar na sexta-feira o “Torneio da Soberania”. No dia seguinte, entram em campo Vitória de Setúbal, Japão, Coreia e Fujian para se baterem pelo “Torneio da Soberania por Convite”. No último dia, disputam-se as quatro finais que irão opor respectivamente os quartos, terceiros, segundos classificados e os vencedores dos dois torneios, valendo a última delas o Troféu do 17.º Aniversário do Estabelecimento da RAEM.

“Esperamos que haja muito público. Isto é um evento que só ocorre uma vez por ano. Estamos a contar que os aficionados do futebol venham ao Canídromo ver estes veteranos jogar”, disse o responsável, prometendo momentos de bom futebol, até porque “quem sabe nunca esquece”.

 

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s