Chineses burlados por falso recrutador que prometia emprego em Angola

 

3-trabalhador-chines

Vários residentes da província continental de Anhui foram burlados num esquema de angariação de trabalhadores para Angola, com o falso recrutador a desaparecer após arrecadar “depósitos” de 5.000 yuan a cada um dos visados.

De acordo com o portal de notícias Anhui News, o homem apresentou-se como funcionário do departamento de projectos internacionais da empresa de construção Anhui Innovation Construction, prometendo emprego em Angola.

Como garantia, os trabalhadores deviam deixar um depósito em dinheiro, cada um, no valor de 5.000 yuan, tendo o suposto angariador deixado um recibo carimbado pela empresa.

Após adiar por várias vezes a data de partida, o homem acabou por desaparecer, com o telemóvel a permanecer desligado, escreve o portal, que não detalha o número de vítimas do esquema.

Citado pelo Anhui News, o dircetor da empresa de construção disse desconhecer o “recrutador”, insistindo que se trata de uma burla e que a empresa não tem qualquer projecto em Angola.

Segundo números oficiais, vivem em Angola 250.000 chineses, um quarto do total de cidadãos da China radicados no continente africano.

Depois de a guerra civil em Angola ter acabado, em 2002, a China tornou-se um dos principais actores da reconstrução do país, nomeadamente das suas estradas, caminhos-de-ferro e outras infraestruturas.

Desde Julho, Luanda tornou-se no principal fornecedor de petróleo da China, segundo dados das Alfândegas chinesas, destronando a Arábia Saudita e a Rússia.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s