Edição de 2016 do EU Short-Film Challenge duplica número de filmes em competição

O Centro de Actividades Estudantis da Universidade de Macau acolhe amanhã, às 19 horas, a 3ª edição do EU Short-Film Challenge. A competição de curtas-metragens, organizada pelo Programa Académico da União Europeia em Macau, recebeu este ano 20 filmes a concurso, o dobro da edição anterior. O documentário impõe-se cada vez mais entre as escolhas dos estudantes.

Migrants walk to the Austrian border in Nickelsdorf from Hegyeshalom

Sílvia Gonçalves

silviagoncalves.pontofinal@gmail.com

 

São vinte os filmes que se apresentam em competição na 3ª edição do EU Short-Film Challenge, um salto significativo face às nove candidaturas de 2015. Ao vencedor – cujo nome será conhecido esta quinta-feira – será atribuído um prémio de 5 mil patacas e a garantia de exibir a sua curta na edição do próximo ano da extensão a Macau do DocLisboa. Este ano o concurso teve por tema “Migrações”, os alunos do Departamento de Comunicação da Universidade de Macau que responderam ao desafio optaram, na sua maioria, pelo registo documental.

“Este ano demos um salto enorme. No ano passado tivemos nove filmes a concurso, este ano temos vinte”, conta Rui Flores. O gestor executivo do Programa Académico da União Europeia em Macau (EUAP-M, na sigla inglesa) alinha um conjunto de factores para explicar o crescimento exponencial na participação: “Acho que há duas explicações para isso. Primeiro, o facto de os alunos conhecerem cada vez melhor o Programa Académico da União Europeia e o concurso. Por outro lado, poderá estar relacionado com o tema que nós escolhemos, que eu acho que é um tema muito actual em Macau. Os trabalhadores migrantes têm uma importância muito grande para a economia local e para o desenvolvimento da região”, assinala.

Um tema, entende Rui Flores, que atravessa o contexto familiar de grande parte dos estudantes: “Do ponto de vista pessoal, os alunos percebem a importância destas questões da migração, porque muitos deles têm migrantes nas suas famílias. Muitos habitantes de Macau não são originariamente de Macau, como todos sabemos. Acho que perceberam a importância do tema, porque é um tema com grande actualidade, por exemplo, na Europa”.

A escolha do tema “Migrações”, prende-se, explica o ex-jornalista, com as tensões e fragilidades que atravessam a Europa dos últimos anos: “Nós tentamos ter sempre temas actuais, que digam alguma coisa à União Europeia. No ano passado desafiamos os alunos a pensarem as questões do desenvolvimento em Macau. Este ano, tendo em conta o que aconteceu, sobretudo no ano passado, mas também este ano, com a vaga de migrantes e refugiados a chegar à Europa, achamos que seria interessante por os alunos a pensar sobre as questões da migração em Macau”, explica Flores.

Após a projecção, amanhã, das vinte curtas-metragens, caberá aos cinco jurados reunir “numa sala durante uma meia-hora” para escolher o vencedor. O mesmo “recebe um prémio de cinco mil patacas, além do reconhecimento de que foi o melhor filme apresentado durante a competição. E para o ano será exibido na extensão a Macau do DocLisboa”, assinala o responsável.

Motivar os alunos da Universidade de Macau para a produção fílmica e levá-los a reflectir sobre a União Europeia foram as premissas que estiveram na origem de uma competição de curtas-metragens que terá continuidade, assegura o responsável, no próximo ano. Entretanto, o género documental vai-se impondo entre as escolhas dos estudantes: “Começamos em 2014. Na altura o tema foi as relações entre Macau e a Europa, um tema um bocadinho esotérico para os alunos, mas tivemos trabalhos muito interessantes na competição. No ano passado, com o tema desenvolvimento, tivemos documentários e histórias de ficção. Este ano, segundo sei, temos sobretudo documentários”, revela.

 

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s