Futuro dos jornais está na transição para aplicações móveis

6277208708_7e6607d601_b

A venda de jornais e revistas tem vindo a diminuir nos últimos anos e a transição dos meios de comunicação social tradicionais para aplicações informáticas e de telemóvel é a tendência de desenvolvimento para o futuro, afirmou Cui Bao Guo, professor da Escola de Jornalismo e Comunicação da Universidade Tsinghua.

O académico fez esta declaração durante a Conferência Global de Desenvolvimento da Indústria de Media de Macau, organizada pelo Ou Mun Iat Pou e o Serviço de Notícias da China (China News Service), a segunda maior agência de notícias estatal da República Popular da China, depois da Agência de Notícias Xinhua.

O académico acrescentou que os profissionais de jornalismo devem cada vez mais ser capazes de fazer o cruzamento entre os diversos meios, os tradicionais e os novos media.

Lok Po, director do Ou Mun Iat Pou, afimou que, apesar de tudo, ainda há mercado em Macau para os meios tradicionais, ou seja, ainda há quem compre jornais. O responsável aconselhou, no entanto, as empresas de comunicação a explorar caminhos nos novos media online, uma vez que essa é a tendência global. Na opinião de Lok Po, é necessário alocar mais recursos por forma a desenvolver o jornalismo digital.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s