Hengqin: Governo recomenda 50 novos projectos

O Executivo candidatou meia centena de novos projectos ao Parque Industrial de Cooperação Guangdong-Macau, situado na Ilha da Montanha. Entre as candidaturas submetidas estão projectos no domínio do turismo, das industrias culturais, da saúde e das novas tecnologias.

1-ilha-montanha

O governo da Região Administrativa Especial de Macau quer reforçar a presença do território no Parque Industrial de Cooperação Guangdong-Macau, situado na Ilha da Montanha. O Executivo recomendou meia centena de novos projectos de investimento ao Conselho de Gestão da Nova Zona de Hengqin durante o período de apresentação de candidaturas à segunda fase do plano de desenvolvimento da estrutura, adiantou o Instituto de Promoção do Comércio e do Investimento de Macau (IPIM) em comunicado.

Um primeiro grupo de 33 projectos de investimento tinha sido apresentado pelo Governo do território ao Conselho de Gestão das Nova Zona da Ilha da Montanha em Abril de 2014, esclarece ainda a nota remetida pelo IPIM.

Os 50 novos projectos abrangem investimentos em diferentes sectores, incluindo o turismo e o entretenimento, o sector da logística, a sector da investigação científica e tecnológica, as indústrias culturais e criativas, as tecnologias de ponta e as novas tecnologias, assim como investimentos nos domínios da saúde e do bem-estar.

Para que sejam aprovados, os projectos agora submetidos pelas autoridades de Macau têm de estar de acordo com os princípios gerais do plano de desenvolvimento da Nova Zona da Ilha da Montanha. A responsabilidade do Conselho de Gestão da Nova Zona de Hengqin passa por avaliar cada uma das propostas individualmente, depois de ter analisado o seu conteúdo, bem como o potencial das indústrias envolvidas, as estratégias operacionais das entidades candidatas e a capacidade de investimento dos responsáveis pela candidatura.

Dos 33 projectos apresentados em Abril de 2014, um total de 16 foram receberam carta branca do Conselho de Gestão da Nova Zona de Hengqin e os promotores das candidaturas adquiriram terrenos no Parque Industrial durante um leilão conduzido para o efeito.

Estes projectos envolvem um investimento total estimado em cerca de 80 mil milhões de patacas e a maior parte estão ligados aos sectores do turismo, das indústrias culturais e criativas, das novas tecnologias e da investigação científica e desenvolvimento tecnológico.

O comunicado do Instituto de Promoção do Comércio e do Investimento de Macau sublinha ainda que o Governo do território vai manter um diálogo de proximidade   com o Conselho de Gestão da Nova Zona de Hengqin de modo a continuar a promover o desenvolvimento contínuo do Parque Industrial de Cooperação Guangdong-Macau. O Executivo compromete-se também a recomendar novos projectos que possam beneficiar a diversificação económica de Macau e o crescimento do Parque Industrial em questão.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s