PJ desmantela rede de agiotagem

3-arquivo

A Polícia Judiciária prendeu no fim-de-semana onze homens e mulheres suspeitos de envolvimento numa rede de agiotagem, noticiou a emissora em língua chinesa da Rádio Macau. Um dos detidos, que trabalhava como farmacêutico num dos hospitais privados do território, foi identificado pela polícia de investigação do território como o suposto líder do grupo.

Entre os detidos – nove homens e duas mulheres – estão dois residentes de Macau e nove cidadãos do Continente. As detenções materializaram-se na sequência de uma primeira investigação a um caso de usura detectado pelas autoridades do território em Novembro do ano passado. A detenção de quatro cidadãos chineses permitiu detectar uma vasta organização criminal que tinha por objectivo fundamental emprestar dinheiro a jogadores endividados.

Ao fim de um ano de investigação, a Polícia Judiciária concluiu que a rede de agiotagem estava activa desde 2014 e terá emprestado mais de dez milhões de patacas a cerca de meio milhar de apostadores. No sábado, a polícia de investigação do território prendeu mais de uma dezena de suspeitos, entre os quais os dois supostos líderes da organização. No âmbito da operação , as autoridades do território encontraram um grande número de recibos relativos a empréstimos, bem como documentos de identificação de algumas das vítimas de agiotagem em casa de alguns dos homens e das mulheres detidos.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s