Caldo Verde à moda da China

3-caldo-verde

O caldo verde, uma das mais conhecidas sopas da gastronomia tradicional portuguesa, internacionalizou-se este mês, ao entrar no menu do Element Fresh, uma cadeia que explora uma rede de 34 restaurantes em toda a República Popular da China.

O caldo verde servido nos restaurantes Element Fresh é uma versão adaptada da sopa minhota, servida com uma dúzia de rodelas de chouriço e a couve-galega substituída por uma variante local.

Em vez da tradicional tigela de barro, o caldo verde do Element Fresh vem num prato de porcelana e, obedecendo ao paladar chinês, o ‘chef’ capricha na pimenta.

O preço – cada porção custa 59 yuan – é também ‘adaptado’ à realidade da emergente classe média local.

Ainda assim,  o caldo verde da Element Fresh “vende-se muito bem”, garantiram à agência Lusa dois empregados de mesa do restaurante do grupo no empreendimento Taikoo Li, um dos centros comerciais mais movimentados de Pequim.

Fundado em 2002, em Xangai, a capital económica da China, por dois norte-americanos, o Element Fresh tem hoje estabelecimentos em mais sete cidades chinesas:”Alimentos nutritivos e frescos e sumos naturais são a essência do que nós fazemos”, lê-se no ‘site’ da empresa.

Nos últimos anos, e coincidindo com a ascensão económica da China, abriram nas principais metrópoles do país centenas de restaurantes de cozinha estrangeira, sobretudo coreanos, japoneses, italianos e mexicanos. Em Pequim, existem dois restaurantes portugueses e em Xangai são já quatro.

 

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s