Revista inglesa diz que novos regulamentos criam caos na Fórmula 3

Novas exigências implementadas pela FIA colocam em causa a participação no Grande Prémio de Macau na corrida de Fórmula 3 de alguns pilotos que surgem na lista provisória de inscritos. Em causa o facto de não terem disputado este ano qualquer prova na categoria.

1-f3

As novas regras introduzidas pela Federação Internacional do Automóvel (FIA) para a participação dos pilotos na categoria de Fórmula 3 do Grande Prémio de Macau criaram um caos regulamentar. A acusação é feita num artigo da revista britânica especializada em automobilismo Autosport, que menciona os casos de pilotos que estão na lista provisória, mas podem não cumprir os requisitos para participaram no evento.

Anteriormente para poderem competir na prova disputada no traçado da Guia, os pilotos tinham de ter participado pelo menos numa prova nesse mesmo ano em que fossem utilizados carros com as especificações da corrida de Fórmula 3. Para que este requisito fosse cumprido, os pilotos que não competiam nos campeonatos F3 inscreviam-se em provas britânicas, nomeadamente na Taça do Reino Unido em Fórmula 3. Foi o caso de António Félix da Costa, Carlos Sainz Jr. e Esteban Ocon entre 2012 e 2014.

No entanto, com a promoção do evento a Taça Mundial de Fórmula 3, a FIA implementou regras mais exigentes que obriga os pilotos a participar numa corrida de Fórmula 3 com as regras da FIA.

O problema coloca-se porque alguns dos pilotos que pontificam na lista provisória, como Lando Norris e Dan Ticktum, ainda não competiram em campeonatos de F3 este ano e só têm uma prova do Campeonato Europeu de F3 para o fazerem até ao Grande Prémio de Macau.

No entanto, como estes pilotos já fizeram ao longo do ano vários testes de F3 a pensar no próximo ano, de acordo com os regulamentos do Campeonato Europeu não podem participar no último evento e como tal, em teoria, não vão poder correr em Macau.

Com esta situação em causa, o Autosport avança que a solução pode ser encontrada entre as equipas que disputam o Campeonato de Fórmula 3 Europeu. Se todas as equipas autorizarem –  e existe essa possibilidade – os pilotos em causa podem ter licença para competirem em Hockenheim – onde se realiza a última etapa do Europeu – desde que comecem a corrida das boxes.

Uma situação semelhante aconteceu com o piloto austríaco Ferdinand Hasburg, a quem foi inicialmente rejeitada a inscrição na prova do Europeu, mas que no final acabou por ser aceite. Contudo, nessa altura a equipa pela qual ia competir acabou por se retirar da prova. Mesmo assim Hasburg vai correr em Macau porque participou no campeonato Euroformula Open, que utiliza os monolugares de Fórmula 3.

A lista provisória de pilotos que vai participar no Grande Prémio de Macau, que se realiza entre 17 e 20 de Novembro, foi anunciada na semana passada. Só mais perto do evento é que vai ser publicada a lista final.

 

 

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s