Nash lidera TCR à entrada para a última ronda da competição

 

2016-2016-estoril-race-1-54-james-nash_81

O campeonato de pilotos da TCR International Series promete emoção até à ultima cruva, com tudo a decidir-se na última prova, o Grande Prémio de Macau. No último fim-de-semana, no circuito de Sepang, na Malásia, o britânico James Nash, da Craft-Bamboo –formação da vizinha Região Administrativa Especial de Hong Kong – conseguiu somar mais 15 pontos à vantagem de apenas dois que tinha sobre o actual campeão em título, o suíço Stefano Comini (Leopard Racing). O espanhol Pepe Oriola, companheiro de Nash na Craft-Bamboo, aparece em terceiro na classificação ainda à espreita de uma oportunidade para saltar para a frente na última prova.
Em Sepang, a surpresa foi a estreia do italiano Roberto Colciago, ao volante de um dos Honda Civic da escuderia Target: não só consegiu conquistar a pole position como venceu a primeira das duas mangas da prova, após uma intensa luta contra o Volkswagen Golf de Comini, que, na altura, ultrapassava Nash por apenas um ponto na liderança do campeonato. O britânico levou o seu SEAT León ao terceiro lugar, não permitindo que o suíço se distanciasse mais. Oriola terminou em quarto.
Com a liderança do campeonato ao rubro no arranque para a segunda manga, a sorte acabou por sorrir a Nash, já que terminou em segundo sem que os seus principais rivais na luta pelo título – Comini e Oriola – tivessem conseguido pontuar. Numa corrida cheia de lutas, ultrapassagens e emoção, típicas das corridas com grelha invertida, a vitória foi para o norte-americano Kevin Gleason (WestCoast), que acabou por se superiorizar ao líder Nash e ao companheiro de equipa Gianni Morbidelli, que terminou em terceiro.
Apesar dos resultados na Malásia, a regularidade durante todo o ano que tem demonstrado a Craft-Bamboo e os seus pilotos – Nash, Oriola e o russo Serguei Afanasiev – permitiram à equipa de Hong Kong ter-se sagrado já campeã no mundial de construtores.
No de pilotos, Nash lidera com 262 pontos, mais 17 do que Comini (245) e mais 33 do que Oriola (229), estando ainda por disputar 55 pontos.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s