China conclui construção de primeira central nuclear do nordeste do país

 

 

132181072_21n

A China deu por concluída a construção da primeira central nuclear no nordeste do país, parte de uma estratégia nacional de rápido desenvolvimento desta indústria, apesar do debate em torno da sua segurança.

Segundo a agência noticiosa oficial Xinhua, 75 por cento do equipamento utilizado na central de Hongyanhe, na província de Liaoning, foi fabricado na China, incluindo os geradores de vapor e turbo-dínamos, peças-chave para o funcionamento da infra-estrutura. No conjunto, a fábrica tem capacidade instalada de 1,118 milhões de quilowatts.

Com mais de 30 reactores de energia nuclear operacionais e 20 em fase de construção, a República Popular da China encontra-se numa fase de rápido desenvolvimento da indústria nuclear.

“A energia nuclear é neste momento a que mais se adapta às necessidades da China, que tem um alto consumo de electricidade devido à dimensão da sua população e economia”, explicou Gui Liming, especialista em sistemas de segurança nuclear, citado pelo jornal Global Times.

Os críticos alertam, no entanto, para a falta de sistemas de armazenamento de resíduos nucleares no país, sucessivos casos de erros operacionais nas centrais já operacionais, assim como os receios provocados pelo desastre em Fukushima, no Japão, em 2011.

No início de Agosto quatro operários de uma unidade em Yangjiang, também em Guangdong, foram penalizados por ocultarem um problema técnico que causou a paragem no sistema de refrigeração de um dos principais reactores.

Também em Agosto, o jornal de Hong Kong South China Morning Post avançou que o sistema de alerta dos níveis de radiação numa central nuclear em Shenzhen, cidade na província chinesa de Guangdong, que confina com Macau, esteve acidentalmente desactivado durante três meses.

Nos próximos dez anos a China planeia construir mais de 60 centrais nucleares, anunciou na semana passada Zheng Mingguang, vice-presidente da estatal China’s State Nuclear Power Technology Corporation (SNPTC), um dos três operadores de centrais nucleares do país.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s