Si Ka Lon quer tabuleiro inferior da ponte Sai Van reabilitado

O deputado lembra que a ponte Sai Vai foi inaugurada há mais de uma década e que a estrutura nunca foi devidamente rentabilizada. Si Ka Lon quer saber que planos tem o Governo para o tabuleiro inferior da travessia.

1-sai-vanCom o crescimento da população do território e o aumento da pressão a que estão sujeitas as travessias que ligam Macau e a ilha da Taipa, o deputado Si Ka Lon quer saber o que tenciona fazer o Governo para promover um melhor aproveitamento da Ponte Sai Van, nomeadamente no que diz respeito à utilização mais frequente do tabuleiro inferior da estrutura.

Numa interpelação escrita dirigida ao Executivo, o deputado lembra que a insuficiência de ligações entre Macau e as ilhas tem estado na origem de complicações sérias para os residentes do território e pede, por isso, ao Governo que se pronuncie  não só sobre o andamento dos projectos relativos à construção da quarta travessia entre Macau e a Taipa, mas também a uma melhor utilização do tabuleiro inferior da Ponte Sai Van, opção que no entender de Si Ka Lon poderia ajudar a resolver provisoriamente alguns dos problemas de trânsito com que a RAEM se depara.

No passado, o Governo justificou a não utilização do tabuleiro inferior da travessia com o facto de serem necessárias obras no sistema de ventilação da Ponte, uma empreitada que poderia exigir até dois anos para ser concluída. Por outro lado, o Executivo lembra que depois de concluídos os trabalhos de construção do sistema de metro ligeiro do território, o tabuleiro deixará de poder ser utilizado por motociclos e este pormenor acabou por se revelar preponderante na hora de decidir se a intervenção no sistema de ventilação da estrutura deveria avançar ou não.

Na interpelação que dirige ao Governo, Si Ka Lon diz que a decisão de ignorar o reaproveitamento do tabuleiro da Ponte Sai Van não foi bem acolhida por muitos residentes, que defendem que o argumento de que a travessia não poderá ser utilizada por motociclos não é satisfatório. O deputado sugere, por isso, ao Governo que a empreitada de instalação do metro na ponte deve ser aproveitada para tornar o tráfego no tabuleiro inferior da travessia uma opção praticável.

Si Ka Lon lembra que a construção do ponte custou ao erário público 560 milhões de patacas há pouco mais de uma década e sublinha que desde que foi inaugurada, em 2005, a ponte nunca viu todo o seu potencial ser explorado. Na interpelação que dirige ao Executivo, o deputado pergunta se o Governo já procurou perceber de quem é a responsabilidade pela não utilização do tabuleiro inferior e complementa: “Porque razão os trabalhos de melhoria do sistema de ventilação não foram conduzidos logo após a conclusão das obras, há dez anos?”

Si Ka Lon quer saber ainda se o Executivo tem ou não planos para colocar o tabuleiro inferior da Ponte Sai Van ao serviço da população do território: “O Governo tem alguma ideia de como poderá melhor a utilização do tabuleiro inferior da travessia e evitar o desperdício de recursos? Tenciona o Executivo submeter a obras o sistema de ventilação da Ponte quando instalar o projecto do metro ligeiro no interior da travessia?”, interroga o deputado.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s