Estudantes do IFT dão uma mão a associação da síndrome de Down

Um bazar de beneficência, adivinhação com cartas de tarot, oficinas de maquilhagem a pensar no Dia das Bruxas, uma festa de Halloween a que está associado um concurso de talentos e uma competição artística fazem parte do programa da iniciativa YOUN1QUE, aberta à participação do público em geral.

1-trissomia

Dar uma ajuda a quem convive com trissomia21 e promover a sua integração na sociedade é o objectivo de uma série de actividades promovida por estudantes do terceiro ano do curso de Gestão de Eventos do Instituto de Formação Turística (IFT). “YOUN1QUE” foi o título dado à iniciativa, “porque todos somos únicos”. Os fundos arrecadados revertem a favor da Associação de Síndrome de Down de Macau.

“Contactámos com a Associação e decidimos cooperar com ela através de uma série de actividades com o objectivo de reunir mais financiamentos para ajudar no seu funcionamento”, explicou Alan Chiu, um dos coordenadores do evento, ontem em declarações ao PONTO FINAL.

Com início previsto ainda para este mês, e prolongando-se por Outubro adentro, o YOUN1QUE irá materializar-se através de uma série de actividades a decorrer nas instalações do Instituto de Formação Turística em Macau e na Taipa, e que incluem, entre outras, um bazar de beneficência, adivinhação com cartas de tarot, oficinas de maquilhagem a pensar no Dia das Bruxas, um festival de Halloween a que está associado um concurso de talentos e um concurso artístico com cerimónia de atribuições de prémios e donativos.

 

Esbater a indiferença

 

Partindo do princípio de que “todas as pessoas têm dons pessoais únicos que nem sempre são valorizados”, os estudantes do IFT quiseram aproveitar para pôr em prática os conhecimentos adquiridos no curso de Gestão de Eventos e idealizaram várias actividades abertas ao público em geral e que pudessem ser suficientemente apelativas para gerar receitas. Depois de deduzir as despesas, o lucro total do projecto “será doado à associação com o propósito de dar apoio às pessoas com síndrome de Down em Macau e às suas famílias”, explicam os organizadores.

“Pensamos que a associação é a entidade indicada para prestar o devido apoio a essas pessoas”, considera Chiu. O objectivo final da iniciativa, explica, é “promover a inclusão de pessoas tantas vezes deixadas à margem da sociedade, mas que têm os seus próprios talentos e são pessoas tão importantes e únicas como quaisquer outras”.

Informações sobre os eventos programados podem ser obtidas através da página oficial do projecto no Facebook (www.facebook.com/YOUN1QUE.IFT).

Também conhecida pelo nome de trissomia do cromossoma 21, a síndrome de Down – o britânico John Langdon Down foi o clínico que a descreveu, em 1862 – é um distúrbio genético causado pela presença total ou parcial de um cromossoma 21 extra. Geralmente identificada no nascimento, a síndrome é tipicamente associada a atrasos no crescimento físico, determinadas características faciais e deficiências intelectuais leves a moderadas.

 

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s