Hong Kong usa Macau como exemplo para elevar aposta na preservação do património

A viagem efectuada em Julho a Macau levou o secretário para o Desenvolvimento da vizinha Região Administrativa Especial de Hong Kong, a equacionar a atribuição de incentivos a privados para a preservação do património. O responsável espera ver mais proprietários a participar activamente no trabalho de recuperação dos edifícios.

1-policia

O Executivo da vizinha Região Administrativa Especial de Hong Kong disse esperar que mais proprietários privados participem activamente na conservação do património da antiga colónia britânica. As declarações, citadas pelo jornal The Standard, foram proferidas pelo secretário para o Desenvolvimento, Paul Chan Mo-po, no seu blogue pessoal. O responsável defendeu, no mesmo texto, a realização de discussões públicas para equacionar a atribuição de incentivos aos proprietários, pois entende que não cabe unicamente ao Executivo a preservação do património. A motivação para a proposta vem de uma viagem recente que Paul Chan efectuou a Macau.

O secretário recordou a deslocação, no âmbito da conservação de património, efectuada em Julho à RAEM, em que se fez acompanhar de membros do Conselho Consultivo para as Antiguidades. A deslocação incluiu a visita a vários locais históricos, como o Teatro D. Pedro V, o templo de Na Tcha, a Casa do Mandarim ou a Biblioteca Sir Robert Ho Tung. No mesmo blogue, e de acordo com o The Standard, Paul Chan Mo-po referiu que Macau integrou a promoção cultural e do turismo na conservação do património. Um exemplo que, defendeu, vale a pena imitar.

Lembra o dirigente que Hong Kong experimentou diferentes fases na conservação do seu património: “De início, foi dominado pelo Governo, mas explorámos diferentes formas de conservação que colocam a ênfase na interacção e parceria no sector não-governamental”, escreveu, sustentando que tal trará mais possibilidades e energia à preservação do património em Hong Kong.

Paul Chan recordou que nos anos 70 e 80, Hong Kong se confrontou com um desenvolvimento rápido, com vários bairros antigos e aldeias reconstruídos, pode ler-se no mesmo jornal. Alguns edifícios antigos foram recuperados e geridos pelo Conselho Urbanístico ou pelo Conselho Regional. Paul Chan apontou como exemplo o Museu Sam Tung Uk, em Tsuen Wan.

Já nos anos 90, a comunidade viria a apresentar necessidades mais diversificadas, tendo os edifícios históricos desocupados sido reconstruídos, para novos usos, como a antiga estação de polícia de Old Aberdeen, que foi convertida no actual Warehouse Teenage Club.

O The Standard recorda que, entre os anos de 2007 e 2008, o Governo de Hong Kong anunciou uma série de medidas que fortaleceram a sua colaboração com organizações não-governamentais. Entre elas figurou o programa “Revitalizar Edifícios Históricos Através do Esquema de Parceria”, através do qual o Executivo convidou grupos sem fins lucrativos para revitalizar edifícios históricos assumindo a forma de empresas sociais.

O mesmo jornal lembra que 15 projectos foram aprovados ao longo de quatro fases. Oito deles foram concluídos, abriram portas ao público e atraíram 2,57 milhões de visitantes até ao passado mês de Junho. Além de criarem postos de trabalho, os projectos foram já agraciados com quatro prémios para a conservação de património cultural atribuídos pela UNESCO.

Paul Chan salientou ainda no seu blogue que a Autoridade para a Renovação Urbana tem também participado activamente na conservação, e que a revitalização de edifícios privados históricos estimulou a conservação de edifícios anteriores à Guerra do Pacífico: “Esperamos que mais proprietários privados tomem parte na conservação de património, e estamos a estudar formas de fornecer iniciativas de assistência e económicas a esses proprietários, de acordo com a escala, a condição e o valor patrimonial dos edifícios”, rematou.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s