Ryan Lochte afastado da competição por dez meses

Ryan Lochte

 

O norte-americano Ryan Lochte, que tem no currículo doze medalhas olímpicas, vai estar dez meses sem poder competir, na sequência do escândalo que protagonizou nos Jogos do Rio de Janeiro, quando inventou ter sido vítima de um assalto.

A sanção, imposta pelo Comité Olímpico dos Estados Unidos (USOC, na sigla em inglês) e pela federação de natação USA Swimming, vai impedir Lochte de competir no Campeonato Mundial de Natação que vão decorrer em Budapeste em Julho de 2017.

Os outros nadadores norte-americanos envolvidos no incidente do Rio – James Feigen, Gunnar Bentz e Jack Conger – também vão ter sanções, mas menores do que a aplicada a Lochte.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s